Atualmente, existem muitas maneiras de tornar o trabalho mais leve. O esforço físico e as tarefas repetitivas praticamente foram eliminados em inúmeras atividades profissionais. No entanto, muitos ainda se queixam de tensão e fadiga e desejam se libertar de sintomas físicos desagradáveis, pois nosso organismo sente os efeitos do estresse, sofrendo tensão muscular, cefaleia, alteração no ritmo cardíaco, etc. Por isso, é preciso conhecer métodos simples e práticos de relaxamento.

 

RELAXAMENTO FÍSICO
Respiração
. A respiração é um meio rápido e acessível para superar a raiva e a tensão. Respire profundamente, expandindo o abdômen (no tórax) e expire pouco a pouco. Repita quatro ou cinco vezes e volte à respiração normal. Pratique isso cinco ou seis vezes ao dia, onde você estiver: no carro, no trabalho, conversando com alguém, em uma sala de espera ou antes de se deitar. Quando respirar, procure esboçar um sorriso e deixe de lado os assuntos que o preocupam.

Exercício físico. Qualquer tipo de exercício, adequado à capacidade pessoal e à idade, contribui para o relaxamento físico e mental. O exercício deve ser feito regularmente e de acordo com a preferência de cada um, pois há quem consiga relaxar ao se esforçar em uma prática esportiva mais exigente, enquanto outros conseguem o mesmo efeito com um passeio tranquilo.

Banho. A água e sua temperatura oferecem efeito benéfico no relaxamento muscular. Um simples banho ou uma ducha tonifica os músculos. A hidroterapia, alternando água morna e fria, tem grande efeito relaxante sobre a circulação arterial e capilar. Os banhos de mar, por seu conteúdo mineral, estimulam as glândulas de secreção interna e o metabolismo em geral, relaxando o organismo.

Relaxamento muscular. Além dos métodos mencionados, o relaxamento muscular ou progressivo, garante, de forma sistemática, a distensão dos músculos que sofrem pelos efeitos do estresse.

 

RELAXAMENTO MENTAL
A tensão mental representa forte carga psicológica para muitas pessoas. A preocupação exagerada com problemas, incerteza do futuro, fadiga mental, perda de memória e lentidão no raciocínio são características associadas à tensão mental. O que fazer para prevenir esses estados mentais e alcançar a paz?

Pensamento. Por mais difícil que seja, tente rejeitar os pensamentos trágicos e centralizar a mente em aspectos positivos e felizes. Aprenda a deixar de lado assuntos que causam tensão e oposição, pelo menos temporariamente, até poder encontrar soluções.

Visualização. Será mais fácil abandonar os pensamentos impróprios quando tiver outros para substituí-los. Use a imaginação para visualizar detalhadamente um assunto escolhido. Alguns pensam no lugar em que foram criados, ou em sua adolescência e juventude.

Outros se distraem com alguma experiência feliz e alegre ou recordam momentos agradáveis. Escolha suas próprias imagens e se alegre em seus detalhes, dando-lhes cor e movimento; leve sua imaginação por esses lugares e situações. Você observará que sua mente e seu estado de ânimo encontrarão paz e tranquilidade.

Autoinstrução. Converse com você mesmo para se livrar de pensamentos inquietantes.

Interação social. Procure a companhia de amigos ou familiares para você se distrair. Se sua personalidade é introvertida, evite a tendência natural de ficar sozinho e matutando sobre problemas. Busque um amigo para conversar; faça um passeio, assista a uma reunião de alguma instituição social em que seja necessária sua participação.

Entretenimentos. Diante da tensão mental, procure se ocupar com alguma atividade como jardinagem, coleção de selos, ou prática de esportes. Assistir a um filme de comédia ou ler um livro interessante também são coisas que favorecem o relaxamento mental.

Música. Escolha um CD que possa elevar seu ânimo; ouça aquela música que em algum momento no passado tenha lhe proporcionado relaxamento e paz mental. Concentre-se e ouça essa música de olhos fechados num lugar agradável.

Meditação e Oração. Pode ser que você nunca tenha meditado e orado em sua vida, mas isso proporciona grande relaxamento mental. A oração e a meditação são práticas altamente espirituais, cujos benefícios só se sentem quando experimentados.

Outras formas. Há também outras maneiras de se conseguir o relaxamento mental:

  • Cante uma música ou assobie uma melodia.
  • Vá a um parque e ouça o canto dos pássaros.
  • Sentado, ou inclinado, contemple a água de uma fonte, de um rio ou do mar.
  • Observe as nuvens e seus movimentos por um bom tempo.
  • Esfregue os olhos com as mãos, ligeiramente, e deixe-os fechados por alguns minutos.
  • Converse com uma criança de quatro ou cinco anos por alguns instantes.
  • Brinque com cachorro, gato ou algum outro animal de sua preferência.

 

 

Fonte: Revista Adventista / Maio – 2014.
Imagem: JiSign / Fotolia