Você já perdeu a voz no meio da aula? Sente coceira na garganta, pigarros ou rouquidão? A maioria dos professores sofre de algum problema de voz. Com o intuito de ser compreendidos por todos os alunos, os educadores falam em um tom bem mais alto e sacrificam suas cordas vocais. Nas classes se ouvem ruídos internos e externos, e na tentativa de encobrir o barulho o professor não percebe que está gritando.

Especialistas dizem que o uso inadequado da voz pode ocasionar rouquidão, perda ou falha da voz, problemas de respiração e até calos nas pregas vocais. Veja alguns cuidados básicos para não perder a voz:

  • Beba água enquanto estiver dando aula. O mínimo recomendado é de oito copos por dia.
  • Evite pigarrear, pois isso irrita ainda mais a garganta.
  • Antes das aulas, prefira refeições leves.
  • Faça gargarejo leve durante o dia.
  • Durma bem.
  • Alimente-se corretamente.

Tudo isso contribui para o bom funcionamento vocal. Caso sua voz permaneça alterada durante 15 dias, procure um médico.

 

 

Fonte: Agenda do Professor – Educação Adventista 2010
Imagem: Pathdoc / Fotolia