Incentivar paródias é uma estratégia para um ensino mais efetivo

 

[Nós sabemos que você canta no chuveiro.]

Sim, e ainda compõe músicas que narram as situações vividas durante o dia. Provavelmente usa alguma melodia preexistente e faz um show para ninguém ver. Quando termina, é ovacionado pelas gotas que caem do chuveiro e que se espatifam no chão.

E se contarmos que esse pequeno show pode virar uma estratégia pedagógica? Isso mesmo! Se utilizar de paródias para passar determinados conteúdos em sala de aula é uma carta na manga na direção de um ensino diferenciado e integral. Vamos explicar.

Estamos sempre buscando formas criativas para ensinar os conteúdos programados e parece que não há muitas janelas para a inovação. Aí que está o engano. Há inúmeras possibilidades que muitas vezes nascem de insights – como no chuveiro, por exemplo – e são ideias geniais.

Influenciar artisticamente é fundamental

 

Quando damos abertura para o aluno criar uma música, poesia, dramatização, desenho e outras possibilidades artísticas, estamos exercitando seu lado criativo e artístico, muito essenciais para as futuras profissões e formas de ver a vida. Vai além de ensinar subtração, relevo, verbo “to be”, redação e química orgânica. É aplicar toda essa bagagem à uma retenção diferenciada.

Para dar o primeiro passo, você pode ensinar o que é uma paródia para os alunos e apresentar uma composição própria para incentivá-los. O Portal do Professor, do MEC, apresenta o plano de aula “Paródias: utilização como recurso didático” para você já começar e se inspirar e programar.

Para trabalhar com as séries iniciais, sugerimos que sejam apresentadas as diversas formas de arte e expressão utilizando a coleção “Você é o Artista – Cada um tem uma história” . Por que além de ensinar sobre os números, letras e cores o incentivo à expressão é uma porta gigante para as demais ciências.

E aí, você já realizou atividades se utilizando de paródias?

Confira os materiais em áudio preparados especialmente para trabalhar em sala!

E conte para a gente!

Até porque conhecimento é um show e precisa ser compartilhado para muito além das cantorias no chuveiro. ;)

 

E será extremamente divertido!