Realizar uma atividade no laboratório não é algo que acontece de repente, mas sim um ato planejado, de acordo com seus conteúdos e objetivos a serem alcançados. O laboratório pode ser utilizado para iniciar, fixar ou encerrar um assunto. Tudo dependerá da turma que você tem e de como ela responde às atividades propostas.

Vamos começar com um exemplo simples, mas que vale ser feito.

No site do MEC existem objetos de aprendizagem que são de domínio público, ou seja, você, professor, pode utilizar sem problemas de direitos autorais. Faça o download do objeto ou peça para o técnico de informática do laboratório fazer isso para você. Depois ele deve instalar nos computadores ou no computador central, dependendo de como é o laboratório de seu colégio.

Em matemática você tem o conteúdo “ângulos opostos pelo vértice”. Oriente seus alunos para levar ao laboratório de informática: caderno, estojo e transferidor.

O objeto está no seguinte link:

educacao_tecnologia_2

 

 

 

 

 

 

http://objetoseducacionais2.mec.gov.br/handle/mec/3255
Antes de trabalhar esse objeto com os alunos, assista e faça os exercícios. Você verá que pode parar ou deixar que eles mesmos, em duplas, resolvam os exercícios depois da explicação feita no próprio objeto.

educacao_tecnologia_3

 

 

 

 

 

 

Clique no botão que está indicado na figura para que o objeto fique mais fácil de ser utilizado.

É uma forma simples, lúdica e educativa. Você não perde tempo e, de uma maneira diferente, trabalha um dos conteúdos necessários.

Logo colocaremos mais exemplos de como utilizar esse e outros tipos de objetos de aprendizagem como um recurso a mais para diversificar suas aulas. Sucesso!